O Lugar da Fraternidade

image9B5Há uma lenda judaica que nos remete aos dias do Rei Salomão, e conta que nos campos de Sião viviam dois irmãos que ceifavam trigo. Uma noite, quando apenas a luz brilhava, o irmão mais velho juntou vários feixes de sua colheita e levou-os para o campo do irmão mais novo, dizendo a si mesmo:

– Meu irmão tem sete filhos. Com tantas bocas para alimentar, pode ficar com uma parte do que consegui.

Pouco tempo depois, sem saber do belo gesto do irmão mais velho, o irmão mais novo esgueirou-se para fora de casa, juntou vários feixes do seu próprio trigo e carregou-os para o campo do irmão mais velho, dizendo para si mesmo:

– Meu irmão é sozinho, sem ninguém para ajudá-lo a ceifar. Por isso, vou dividir uma parte do meu trigo com ele.

Quando o sol surgiu, cada um deles se admirou por encontrar exatamente a mesma quantidade de trigo que antes!

No dia seguinte, cada um teve a mesma gentileza com o outro, e novamente, ao acordar, encontraram seus estoques sem redução.

Mas na terceira noite encontraram-se carregando seus presentes, um para o campo do outro. As estrelas presenciaram um espetáculo belíssimo que com certeza jamais esqueceram. Os dois abraçaram-se com força e derramaram lágrimas de alegria pela bondade que os unia.

E quando Salomão soube de seu amor, construiu ali o Templo de Israel, naquele lugar da fraternidade.
 Comentário: O amor que doamos sempre volta pra nós mesmos.
 

Recebemos este texto da Katia Bueno
filipeta
desenvl