A Comparação

self” A comparação é uma doença, uma das maiores doenças. Somos ensinados desde o início a comparar. Sua mãe começa a compará-lo com outras crianças, seu pai compara e o professor diz: “Olhe para Johnny, como ele está fazendo direito e você, não está fazendo nada de bom”.
Desde o início está sendo dito a você para comparar-se com os outros.
Esta é a maior doença, é como um câncer que vai destruir a sua própria alma. Cada indivíduo é único e a comparação não é possível. Sou apenas eu e você é apenas você. Não há mais ninguém no mundo para ser comparado com. Você compara a calêndula com uma rosa? Você não compara. Você compara uma manga com uma maçã?
Você não compara. Você sabe que eles são diferentes – a comparação não é possível.
O homem não é uma espécie. Cada ser humano é único. Nunca houve qualquer indivíduo como você antes e nunca haverá novamente. Você é absolutamente único.
Este é o seu privilégio, sua prerrogativa, foi a bênção da vida que o tornou único.”
( Osho )

filipeta

sonhos lucidos 2